Espécie: Cordia trichotoma (Vell.) Arráb. ex Steud.

Sinônimos: Cordiada trichotoma Vell., Gerascanthus excelsa Mart., Cordia excelsa A. DC., Cordia chamissoniana Steud., Cordia hypoleuca DC., Cordia asterophora Mart. ex. Fresen., Cordia hassleriana Chodat

Família: Boraginaceae

Nome popular: louro-pardo, louro.

Distribuição geográfica: Ceará até o Rio Grande do Sul, nas florestas pluvial atlântica, semidecídua e no cerrado.

Forma de vida: Fanerófita

Folha: Simples, elípticas a obovadas, discolores, ásperas, com indumento ferrugíneo esparso na face superior, de 8-14 cm de comprimento.

Flor: Brancas, pentâmeras, andróginas, dispostas em panículas terminais. 

Fruto: – Drupa, com cálice persistente.

Inflorescência: –

Floração: Floresce de abril a julho.

Frutificação: Os frutos amadurecem nos meses de julho – setembro.

Grau de ameaça

Observação: Planta decídua, heliófita, seletiva xerófita, característica de formações mais abertas e secundárias das florestas pluvial e semidecídua.