Entre o percurso adaptado e o não-adaptado há um auditório ao ar livre para a realização de contação de histórias, atividades lúdicas e confraternizações. Nesse espaço há bancos e mesas construí­dos a partir do reaproveitamento das arbóreas exóticas que foram eliminadas do fragmento em que se construiu a Trilha Interpretativa de Educação Ambiental.